Repetir look? Eu?

3 Aug 2019

Repetir roupa ou não, é uma questão para você?

Toda a vez que tem um jantar, encontro, formatura, palestra, entrega de prêmios ou sei lá o quê, você entra naquela neurose do que vestir?

Acredite, você não está sozinha.

Bem acho, que essa é uma questão para a maioria das mulheres brasileiras. Independente de condição financeira ou posição social.

 

Muitas vezes, a preocupação com o look é maior do que a preocupação com a ocasião em si.

Especialmente depois da crescente popularização da imagem, quando tudo fica registrado.

Este comportamento (tupiniquim de terceiro mundo) tem a ver com a nossa educação, com a nossa autoestima (de colonizados). Talvez a síndrome de Imelda Marcus...

 

Por um lado, a tentativa de se fazer notar pela posse, pelo poder financeiro, por outro, a nossa preocupação com sustentabilidade limitada em separar o lixo em casa, também com a gestão do próprio tempo.

Quanto tempo você fica longe dos seus filhos, ou das pessoas que ama, ou deixa de fazer coisas simples como caminhar no parque, ou ir fazer o seu treino, ou ler um livro, porque está conquistando o precioso dinheiro que compra roupas? Aquelas que você usa uma única vez. Ah, o tal dinheiro também paga o metro quadrado para guardar roupas que você já usou. Parece futilidade, mas no íntimo, é sim preocupante.

Por aqui, é comum frequentarmos inúmeros ocasiões, onde encontramos sempre as mesmas pessoas. Independente de cidade pequena ou grande, os grupos com perfis parecidos comungam dos mesmos espaços. Muitas pessoas, super conhecidas mundo afora, pense aí na família real britânica por exemplo, repete roupa, mas nós não.

 

 

Vejo pessoas, em especial mulheres bem-sucedidas financeiramente, procurarem o personal stylist, um dos serviços dentro da consultoria de imagem pessoal, para resolverem um novo look para cada ocasião.

Normalmente com o desejo de compra.

A grande questão é, o que você faz com tanta roupa, que só vai usar uma vez?

 

Na cidade em que moro, existem muitas lojas de aluguel de roupa de festa, no entanto, a necessidade é de roupas para ocasiões um pouco mais simples.

Aí a questão, normalmente, vira compra.

É bem verdade que já existem bazares e brechós bem interessantes. Mas confesso que o quesito compra ainda me preocupa.

Está aí um nicho de mercado à ser preenchido, aluguel de roupas e acessórios.

 

Longe de fazer aqui, uma apologia contra a compra.

Mas sim, de se fazer compras mais assertivas.

Que sejam curingas no seu estilo pessoal, e possam formar looks diferentes se este é o seu desejo.

Mas que se multipliquem em seu guarda-roupa.

Que assim, multipliquem seu tempo de lazer ou de ócio criativo. E de quebra, ainda gerem uma economia confortável em sua vida, que sá, em seu futuro.

E o mais importante de tudo, que sejam roupas que realmente falem sobre você.

O quanto você é uma mulher culta, inteligente, informada.

Que seus valores sejam estampados em sua imagem pessoal.

 

Afinal de contas…

 

Estilo é identidade.

 

Nani Ximendes

Consultora de imagem pessoal

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Procurar por tags
Arquivo
Please reload

September 8, 2020

September 19, 2019

August 3, 2019

June 22, 2019

May 24, 2019

February 15, 2019

February 1, 2019

Please reload

Posts Recentes

Sou consultora de imagem e personal stylist. Transformo identidade de mulheres reais em estilo.

Conheça a Nani
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon